Especial Dia das Crianças: Quartos de Menino, com Alessandra Braggion

Fotos: Arquivo Alessandra Braggion/ Divulgação 

Alessandra é graduada em arquitetura pela FAAP, com especialização em decoração de interiores pela Associação Brasileira de Arquitetura. Atua há mais de 20 anos como arquiteta e decoradora, desenvolvendo projetos residenciais e comerciais. Conta com uma equipe jovem e competente, sendo a atenção aos detalhes e o acompanhamento de toda a execução dos projetos o ponto forte de seu trabalho. É adepta do estilo contemporâneo, tem habilidade em mesclá-lo com gostos particulares do cliente, sempre prezando pelo bem-estar, estética e funcionalidade dos ambientes. 


A arquiteta Alessandra Braggion 

A série de matérias especiais que a Moldura Minuto preparou em comemoração ao Dia das Crianças continua! Esta semana é a vez da arquiteta Alessandra Braggion nos apresentar dois projetos feitos especialmente para meninos. 

Para planejar um quarto infantil, a arquiteta ressalta duas premissas importantes que precisam ser levadas em conta. A primeira, é que o espaço deve refletir o mundo da criança. A segunda, é que a organização é uma prioridade, o que facilitará a vida dos pais na hora da arrumação. 

Assim, um ambiente bem planejado para os pequenos precisa conter alguns elementos fundamentais, como a área de estudos, o espaço para guardar os brinquedos e o espaço para guardar as roupas.


Neste primeiro projeto de Braggion, toda a marcenaria foi pensada em laca branca como um item que se perpetua no espaço, além de criar a sensação de amplitude. Deste modo a criança pode usar o mesmo mobiliário em outras fases da vida, deixando os toques de cor e personalidade para os itens que compõem a decoração.

Para não destoar do papel de parede que tinha uma boa quantidade de informação, a arquiteta optou por trabalhar com telas mais simples e delicadas que trouxeram leveza ao ambiente.

As molduras e imagens na cor preta ganharam destaque em meio ao mobiliário clean e com cores mais suaves.


Trabalhar com figuras geométricas nos quadros infantis é uma boa alternativa para aflorar a criatividade e imaginação das crianças. Os porta-retratos também são uma forma simples e prática de relembrar momentos especiais, onde as fotos podem ser trocadas sempre que a criança quiser”, diz Braggion. 

Outro ponto importante que a arquiteta ressalta é a iluminação que, se tratando de quartos infantis, deve ter um cuidado especial, já que precisa transmitir conforto e segurança. No projeto, a iluminação do lindo pendente valorizou ainda mais o quadro com figura geométrica.


Sobre os quadros, a arquiteta também ressalta: “Sempre digo que a combinação de quadros para ambientes infantis não tem regra, é uma questão de bom senso e sensibilidade. Descobrir os gostos e sonhos dos pequenos é sempre uma boa alternativa para criar um espaço que seja funcional, bonito e acolhedor”. 

No segundo projeto, o quarto foi todo pensado para um menino que ama carros! Justamente para dar as características de ambiente infantil, a arquiteta optou por trabalhar com elementos lúdicos (como a cama casinha) aliado à ergonomia do mobiliário. Desta forma, a criança consegue ter acesso a alguns objetos ganhando certa autonomia, o que é ótimo para os pais.


A marcenaria também foi pensada em laca branca, com os toques de cor e personalidade aparecendo nos objetos de decoração e produção, como nas almofadas bordadas da cama. Como a criança era fanática por carros, o tema escolhido para a composição das telas não podia ser diferente: imagens coloridas de automóveis, que combinam com as tonalidades do ambiente. Já as molduras foram pensadas em um único tom, de forma a ganhar unidade e destaque nos móveis de apoio.

“Gosto de trabalhar com formas diferentes de combinação das telas. Além de penduradas, apoiá-las em prateleiras e nichos é uma forma prática da criança trocar as imagens quando quiser. O painel em tecido também é uma alternativa rápida para a troca de fotos de acordo com as memórias afetivas da criança”, explica Braggion.


O mais interessante é que com uma composição de telas de caráter flexível, a criança ganha liberdade para escolher quais histórias quer contar, acompanhando sua personalidade e crescimento.

Em ambos os projetos de Braggion, vemos maneiras sofisticadas e práticas de criar ambientes aconchegantes, divertidos e próprios para os pequenos.

Inspire-se! 



Loading...

Carregando...